Páginas

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Uma flor .

"As vezes tinha que pensar que realmente ela iria embora a qualquer momento.
Estava diante dos meus olhos,
e eu não enxerguei .

Levei a flor, o cartão ...
Mas ela não estava mais lá para recebê-los.
Ela se foi.

Agora em minhas mãos restava apenas a flor. O cartão havia caído no quarto..
Aquela rosa tão vermelha e atraente.. que trazia o destaque para suas lindas pétalas,

Restou-se uma flor. um sentimento.
um lamento.
saudade."

mauricio maia .

2 comentários:

andressa disse...

Ta romântico em!!!
Lindo esse texto!!!
te amuh!mau

Maurício Maia disse...

bligadiinho .

:D